Página Principal | Noticias | Noticias | Combate ao Câncer Ginecológico

Combate ao Câncer Ginecológico

No mês de julho ocorre o chamado Julho Verde, mês de combate e conscientização ao câncer ginecológico, que é composto por cinco tipos de tumores listados em ordem decrescente de frequência: colo de útero, ovário, endométrio, vulva e vagina. Para se ter uma ideia, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), estão estimados para 2020 o surgimento de 16.710 novos casos de câncer de colo de útero e 6.650 novos casos de tumores de ovário. Sendo o câncer de colo de útero o terceiro em incidência entre as mulheres, perdendo apenas para mama e colo/reto.

É fato que o estudo da oncologia ginecológica vem se aprimorando, cada vez mais no decorrer dos anos. Muito se ganhou em conhecimento, seja do ponto de vista da biologia dos tumores, do seu diagnóstico, abordagem terapêutica e incidência populacional. Com toda essa evolução de conhecimento, hoje é possível dizer que houve um aumento substancial da taxa de cura e sobrevida das mulheres acometidas por essas patologias.

Ainda assim, independentemente dessa melhora global em relação aos tumores ginecológicos, o principal fator prognóstico continua sendo o estadiamento da doença, ou seja o momento no qual ela é descoberta, se mais inicial ou mais avançada, ou seja, continua valendo a máxima, “quando mais cedo se descobrir maior a chance de cura“ e para isso nada mais importante que a prevenção.

A prevenção primária consiste na redução dos fatores de risco de câncer como tabagismo, consumo excessivo de álcool, obesidade, má alimentação e sedentarismo, ela tem por objetivo reduzir o número de casos da doença. Por outro lado existe a prevenção secundária, que consiste em descobrir a doença em um momento inicial, esta forma de prevenção é muito importante quando falamos de câncer de colo de útero, o exame colpocitológico, muito conhecido como papa Nicolau é seu método de prevenção secundário e muito contribuiu para redução da mortalidade para esta doença.

Resumidamente, no mês de julho lembramos deste grupo de tumores tão importante dentro da oncologia, seja pelo relevante número de casos e também pela morbimortalidade que causam às mulheres. Sem tem uma mensagem que tem que ficar desta campanha, ela é - mulheres devem buscar ser saudáveis para reduzir sua chance de ter os mais diversos tipos de tumor incluindo os ginecológicos e além disso devem ir anualmente a seus ginecologista afim de terem um avaliação propícia e a chance de descoberta precoce dos tumores.

 

Somam-se a isso as modernas e avançadas aparelhagens, que, cada vez mais precisas e aprofundadas, representam grande apoio a vocês, médicos, no diagnóstico e tratamento desses tipos de cânceres.

Fique atenta aos sinais do seu corpo e consulte sempre o seu ginecologista regularmente para a realização de exames preventivos como Papanicolau e  Ultrassonografias.
Além da prevenção, também oferecemos exames para o acompanhamento do quadro.
Temos os mais modernos aparelhos, além de profissionais experientes e com excelente currículo, para garantir diagnósticos precisos e seguros.

Agende seu exame pelo telefone: (21) 3513-8700.